Início    Copas do Mundo    Alfabetos    Bibliotecas    Museus    Teatros    Biomas    Mapas    Contato   Radio

Região Centro-Oeste       Região Nordeste       Região Norte      Região Sudeste       Região Sul

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Copa do Mundo de 1962 no Chile

Compartilhar

 

Pôster da Copa do Mundo de Futebol de 1962 no Chile.

A Copa do Mundo de 1962 no Chile

Depois de 12 anos a Copa do Mundo voltaria a ser disputada na América do Sul, no Chile. O formato de disputa foi o mesmo da Copa do Mundo anterior: fase preliminar com 4 grupos de 4 seleções, com posteriores jogos eliminatórios diretos nas quartas-de-final e semi-finais. O Brasil chegou como favorito e confirmou as expectativas com o bicampeonato

O grande craque húngaro Puskas, que havia disputado a Copa do Mundo de 1954 pela Hungria, defendeu a seleção espanhola. Posteriormente a FIFA tomou providencias para impedir que jogadores disputassem Copas do Mundo por países diferentes.

Seleções participantes: 16
Argentina | Alemanha Ocidental | Brasil | Bulgária | Chile
Colômbia | Espanha | Hungria | Itália | Inglaterra | Iugoslávia
México | Suíça | Tchecoslováquia | URSS | Uruguai
Seleções estreantes: 2 (13%) - Bulgária e Colômbia

Brasil na Copa do Mundo 1962

Delegação Brasileira: Gilmar,Djalma Santos, Mauro, Zito, Zózimo, Nílton Santos, Garrincha, Didi, Coutinho, Pelé, Pepe, Jair Narinho, Bellini, Jurandir, Altair, Zequinha, Mengálvio, Jair da Costa, Vavá, Amarildo, Zagallo, Castilho, Técnico - Aymoré Moreira.

O Brasil na Copa do Mundo de 1962 compareceu com quase a mesma estrutura e equipe da Copa anterior na Suécia e sagrou-se bicampeã. Como campeã do mundo, a seleção brasileira não precisou disputar as eliminatórias. A campanha do Brasil para o bicampeonato no Chile foi: 2x0 México, 0x0 Tchecoslováquia e 2x1 Espanha na primeira fase; 3x1 Inglaterra nas quartas-de-final; 4x2 Chile nas semi-finais; e 3x1 Tchecoslováquia na decisão.

Campeão da Copa do Mundo 1962

Na Copa do Mundo de 1962 o Brasil perdeu Pelé, sua maior estrela, logo no segundo jogo quando ele se machucou contra a Tchecoslováquia. Apesar desta grande baixa, o Rei do Futebol foi substituído brilhantemente por Amarildo, que marcou logo 2 gols no seu jogo de estréia na vitória de 2x1 sobre a Espanha. Depois de uma primeira fase difícil, o Brasil liderado pelo genial Garrincha superou com facilidade a Inglaterra (3x1) e Chile (4x2) para disputar a final contra a Tchecoslováquia, onde se sagrou bicampeão com vitória de 3x1 de virada.

Tabela e jogos da Copa do Mundo 1962

Eliminatórias: 56 seleções
Classificados automaticamente: Brasil (último campeão) e Chile (país-sede)
Sede: Chile
Campeão: Brasil - 2º título
Jogos: 32
Gols: 89
Média de gols: 2,78
Público: 776.000
Média de público: 24.250
Artilheiro: Drazen Jerkovic (Iugoslávia) - 5 gols

O Brasil na Copa de 1962 no Chile: campeão
6 jogos | 5 vitórias e 1 empate | 14 gols a favor e 5 gols sofridos | saldo de gols +9.

Primeira fase:
Grupo 1 - 1o URSS, 2o Iugoslávia, 3o Uruguai, 4o Colômbia.
Grupo 2 - 1o Alemanha Ocidental, 2o Chile, 3o Itália, 4o Suíça.
Grupo 3 - 1o Brasil, 2o Tchecoslováquia, 3o Espanha, 4o México.
Grupo 4 - 1o Hungria, 2o Inglaterra, 3o Argentina, 4o Bulgária.

Quartas-de-final:
Chile 2x1 URSS
Iugoslávia 1x0 Alemanha Ocidental
Tchecoslováquia 1x0 Hungria
Brasil 3x1 Inglaterra

Semi-finais:
Tchecoslováquia 3x1 Iugoslávia
Brasil 4x2 Chile

3o Lugar
Chile 1x0 Iugoslávia

Final:
Brasil 3x1 Tchecoslováquia

Curiosidades da Copa do Mundo 1962

Antes de disputar a semi-final contra o Chile os brasileiros tomaram todas as providências de segurança, as quais incluíam preparar a própria comida com medo de sabotagem na alimentação do hotel. Coube ao dentista da equipe brasileira, Mário Trigo, comprar todos os ingredientes para preparar os sanduíches que alimentaram os brasileiros.

As Copas atravessaram as transformações políticas e culturais dos anos 60. O mundo vivia a divisão dos mega-blocos, Guerra Fria e do Vietnã, revoluções culturais, países latino-americanos sob a tutela dos regimes militares em nome da democracia.

No Chile em 1962, o Brasil conquistava o bi ao vencer os tcheco-eslovacos na final. A estrela de Pelé não brilhou, machucado no primeiro jogo, mas o Brasil contou com Didi, Djalma e Nilton Santos, Vavá, Zito e Garrincha, um dos artilheiros da competição e melhor jogador da Copa. Recusado por vários clubes até ser aceito e brilhar no Botafogo e na seleção. Com Garrincha, o time canarinho só perdeu uma vez em 60 jogos. Com Garrincha e Pelé, o Brasil não perdeu nenhum jogo.

Em 1962, Garrincha, craque da Copa, foi absolvido de uma expulsão e participar da final.

Didi, Garrincha (7) e Zagallo (ao fundo) na vitória da Seleção Brasileira por 4 a 2 sobre o Chile, na semifinal da Copa do Mundo.

Ficha dos jogos do Brasil na Copa do Mundo de 1962 no Chile
Primeira Fase:
30/maio/1962
      Brasil 2 x 0 México
Local: Estádio Sausalito (Viña del Mar)
Árbitro: Gottfried Dienst (Suíça)
Gols: Zagalo 11, Pelé 27 do 2º tempo.
BRASIL: Gilmar; Djalma Santos, Mauro, Zózimo, Nílton Santos; Zito, Didi; Garrincha, Vavá, Pelé, Zagalo.
MÉXICO: Carbajal, Del Muro, Cárdenas, Sepúlveda, Villegas; Najera, Jasso; Del Aguilla, Reyes, Hernández, Diaz.

2/junho/1962:
Brasil 0 x 0 Tchecoslováquia
Local: Estádio Sausalito (Viña del Mar)
Árbitro: Pierre Schwinte (França)
BRASIL: Gilmar; Djalma Santos, Mauro, Zózimo, Nílton Santos; Zito, Didi; Garrincha, Vavá, Pelé, Zagalo.
TCHECOSLOVÁQUIA: Schroiff; Lala, Pluskal, Popluhar, Novak; Masopust, Scherer; Stibranyi, Kvasnak, Adamec, Jelinek.

6/junho/1962
Brasil 2 x 1 Espanha
Local: Estádio Sausalito (Viña del Mar)
Árbitro: Sérgio Bustamente (Chile)
Gols: Adelardo 35 do 1º tempo; Amarildo 27 e 40 do 2º.
BRASIL: Gilmar; Djalma Santos, Mauro, Zózimo, Nílton Santos; Zito, Didi; Garrincha, Vavá, Amarildo, Zagalo.
ESPANHA: Araquistain; Rodri, Etchevarria, Pachin, Gracia; Vérges, Peiró; Collar, Adelardo, Puskas, Gento.

Quartas-de-final: 10/junho/1962
Brasil 3 x 1 Inglaterra
Local: Estádio Sausalito (Viña del Mar)
Árbitro: Pierre Schwinte (França)
Gols: Garrincha 32, Hitchens 38 do 1º tempo; Vavá 8, Garrincha 14 do 2º.
BRASIL: Gilmar; Djalma Santos, Mauro, Zózimo, Nílton Santos; Zito, Didi; Garrincha, Vavá, Amarildo, Zagalo.
INGLATERRA: Springett; Armfield, Moore, Wilson, Flowers; Norman, Haynes; Douglas, Greaves, Hitchens, Bobby Charlton

Garrincha o melhor jogador da Copa; Mauro repeti Bellini e o selo da Copa do Mundo de 1962 assinado pelos heróis brasileiros. Uma verdadeira relíquia.

Semifinal: 13/junho/1962
Brasil 4 x 2 Chile
Local: Estádio Nacional (Santiago)
Árbitro: Arturo Yamazaki (Peru)
Gols: Garrincha 9 e 32, Toro 41 do 1º tempo; Vavá 3, Leonel Sánchez (pen.) 16, Vavá 32 do 2º.
BRASIL: Gilmar; Djalma Santos, Mauro, Zózimo, Nílton Santos; Zito, Didi; Garrincha, Vavá, Amarildo, Zagalo.
CHILE: Escutti; Eyzaguirre, Contreras, Raul Sánchez, Rojas; Rodrigues, Tobar; Ramírez, Toro, Landa, Leonel Sánchez.

Final: 17/junho/1962
Brasil 3 x 1 Tchecoslováquia
Local: Estádio Nacional (Santiago)
Árbitro: Nicolai Latishev (URSS)
Gols: Masopust 15, Amarildo 16 do 1º tempo; Zito 24, Vavá 33 do 2º.
BRASIL: Gilmar; Djalma Santos, Mauro, Zózimo, Nílton Santos; Zito, Didi; Garrincha, Vavá, Amarildo, Zagalo.
TCHECOSLOVÁQUIA: Schroiff; Tichy, Pluskal, Popluhar, Novak; Masopust, Scherer; Pospichal, Kadraba, Kvasnak, Jelinek.

 

Tema Musical Brasileiro da Copa do Mundo 1962

Bi Campeão Mundial

(Teddy Vieira - Zé Carreiro)


A seleção canarinho brilhou lá no estrangeiro
Mostrou a classe e o valor do futebol brasileiro
Conquistou o bi campeão nem um tento eles perderam
Trouxeram a taça de volta pra terra que eles nasceram.

Brasil com os mexicanos primeiro a ser disputado
Perderam de dois a zero choraram se derrotado
Brasil e Checoslováquia o jogo ficou empatado
E os dois quadros perderam um ponto pra cada lado.

Brasil jogou com a Espanha que o primeiro gol marcaram
A nossa turma reagiu até o fim triunfaram
Brasil jogou com a Inglaterra que o futebol inventaram
A taça campeã mundial os ingleses nunca levaram.

Chilenos entraram no campo todos gritaram olé
Ontem nos tomamos vodca hoje nos toma café
Vamos vencer o Brasil com Pelé ou sem Pelé
Desta vez dançaram o samba na cadência do Mané.

Brasil e Checoslováquia para a disputa final
Contavam que eles venciam a seleção nacional
Aplicaram o tal ferrolho e saíram muito mal
Brasil conquistou invicto o bi campeão mundial.

Viva Aimoré Moreira viva Vicente Fiola
Viva os craques brasileiros e o marechal da vitória
Viva Amarildo e Garrincha e o Pelé que é o rei da bola
Brasil é campeão do mundo nós somos campeão da viola.

 

 

 

Copas do Mundo de Futebol

1930 - 1934 - 1938 - 1950 - 1954 - 1958 - 1962 - 1966 - 1970 - 1974 - 1978 - 1982 - 1986 - 1990 - 1994 - 1998 - 2002 - 2006 - 2010 - 2014 - uniformes usados pela seleção brasileira.

 

 

 

APRF.Turismo Contato - Mapa Site
Copyright © 2001. Todos os direitos reservados.
Revisado em: 03/07/14.